Politica Principal

ICMS DOS COMBUSTÍVEIS Pedro diz que João deveria reduzir o imposto em vez de recorrer ao Supremo

Por PCV Comunicação e Marketing Digital

01/07/2022 às 11:12:40 - Atualizado há

O deputado pré-candidato Pedro Cunha Lima (PSDB) decidiu entrar na polêmica dos combustíveis. Em declarações à Imprensa, Pedro advertiu que, em vez de recorrer ao Supremo Tribunal Federal contra a redução do ICMS para patamares entre 17% e 18%, “o governador João Azevedo deveria, na verdade, fazer a redução, e aliviar o bolso do consumidor”.

“João Azevedo vai ao Supremo Tribunal Federal para suspender a lei que torna combustíveis e energia elétrica bens essenciais e livres do aumento do ICMS. A lei é importante porque vai ajudar a reduzir o preço da gasolina e do óleo diesel. Mas para o governador, o que importa é que a Paraíba não pode bancar uma arrecadação menor de imposto”, pontuou o parlamentar.

E arrematou: “A lei vai aliviar o bolso do pai e da mãe de família. E com dinheiro na mão, a gente consegue colocar mais comida na mesa do paraibano e aumentar o poder de compra, fazendo a economia girar, e automaticamente, permitindo a população adquirir em outros produtos tributados. Tá na hora de tratar o paraibano com respeito. O povo precisa urgentemente de menos impostos e mais soluções.”

Fonte: Hélder Moura
Comunicar erro
Portal Conceição Verdade

© 2022 Todos os direitos reservados ao Grupo PCV Comunicação e Marketing Digital
Editor Chefe: Frank Edson - Contato: 83-9.8139-6739

•   Política de Cookies •   Política de Privacidade    •   Contato   •

Portal Conceição Verdade