Anuncie Aqui - Local 01

Olímpio Rocha promete ampliar gratuidade na tarifa de ônibus em entrevista à CBN Paraíba

Por PCV Comunicação e Marketing Digital em 20/10/2020 às 13:09:47
Candidato do Psol participou da série de entrevistas da rádio CBN, nesta terça-feira (20). Olímpio Rocha (PSol), candidato a prefeito de Campina Grande, no estúdio da CBN Campina Grande.

Lídice Pegado/G1

O advogado Olímpio Rocha (Psol), candidato à Prefeitura de Campina Grande, prometeu ampliar os beneficiários com gratuidade na tarifa de ônibus da cidade, com passagem gratuita para pessoas com deficiência e acompanhantes, pessoas com baixa renda, parentes de pessoas presas e pessoas liberadas após passarem por audiência de custódia, além da não necessidade do cartão de gratuidade do idoso. As declarações aconteceram durante entrevista à rádio CBN Paraíba, nesta terça -feira (20). "Garantir que haja o respeito aos direitos humanos, pois a pessoas presa, às vezes, porque praticou um furto porque estava com fome ou presa sem sentença condenatória, e não tem condições de ir para casa. Também pessoas carentes deverão receber esse direito", disse.

Ainda em relação à mobilidade urbana, o candidato informou que pretende reinserir cobradores nos ônibus coletivos para que o motorista não acumule as duas funções e fez outras propostas para a área. "Nós precisamos ter a volta do cobrador. O motorista não pode acumular a função de cobrador. A gente precisa ter muita clareza se for ter aumento da passagem de ônibus, elas precisam ser esclarecidas e explicadas. Garantir que o cidadão que desce na integração pegue o segundo ônibus de graça", relatou.

No segundo bloco, o candidato também falou que pretende criar um fórum de servidores e sobre a relação com os trabalhadores. "Nós seremos amplamente favoráveis ao cumprimento de todos os planos de cargos e carreira. Nós queremos, pelo menos, bimestralmente, nos reunir com os servidores. Nós queremos criar um fórum permanente dos servidores públicos de Campina Grande, para que nós discutemos e recebamos as propostas que eles têm. Então, os planos de cargos e carreiras que já existem serão revisados para cumprir a lei, e aqueles que não existem serão propostos por nós a partir de 2021, na prefeitura", enfatizou.

Sobre o saneamento básico de Campina Grande, o candidato informou que, se eleito, pretende criar uma empresa pública para atuar junto à Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Cagepa), para auxiliar o órgão na atuação em Campina Grande, e também afirmou ser contra privatizações.

"Nós somos totalmente contrários a qualquer tipo de privatização de serviços públicos. Entendemos que é preciso que tenhamos uma máquina pública eficiente. Nossa intenção é fazer com que a procuradoria do município, se for o caso, ajuíze ações civis públicas coletivas, ajuíze ações civis públicas de segurança para obrigar a Cagepa, eventualmente, a realizar essas obras. Nós vamos cobrar para que essas obras sejam realizadas e uma vez que feitas, seja feita a pavimentação", explicou.

Sobre a geração de emprego no município, o candidato falou sobre a disponibilização de um microcrédito para pequenos negócios e estimular a geração de novos empregos. "Nós vamos reestruturar a Agência Municipal de Desenvolvimento. Vamos dar microcrédito aos cidadãos, emprestar dinheiro, a ser pago em suaves prestações, para que sejam colocados negócios que empreguem também vizinhos e amigos. Nós não vamos desestimular as indústrias. Nós vamos mudar isso em Campina Grande", pontuou.

Em relação à segurança da cidade, o prefeitável afirmou que pretende reestruturar a guarda municipal. "A segurança pública é de competência do estado. A Polícia Militar, Corpo de Bombeiros é o estado. Nós temos a possibilidade de reestruturar a guarda municipal, fazer com que a guarda seja respeitada. Queremos dar condições de trabalho à guarda municipal, fazendo com que essa guarda, de fato, guarde os nossos equipamentos públicos, nossos parques, nossas praças, nossas áreas de lazer. Se, eventualmente, for necessário, seja feita uma comunicação rápida com a polícia para que esse policiamento ostensivo seja realizado", disse.

Olímpio Rocha (PSol), candidato a prefeito de Campina Grande, no estúdio da CBN Campina Grande.

Lídice Pegado/G1

A ordem dos candidatos na sabatina foi definida por sorteio, com as equipes de campanha. Todos os entrevistados têm 30 minutos para falar de projetos, experiência administrativa e planos que pretendem colocar em prática.

Veja a ordem dos candidatos:

Dia 19/10 /20 – Edmar Oliveira (Patriota)

Dia 20/10/20 – Olímpio Rocha (PSOL)

Dia 21/10/20 – Bruno Cunha Lima (PSD)

Dia 22/10/20 – Inácio Falcão (PC do B)

Dia 23/10/20 – Ana Cláudia Vital (Podemos)

Dia 26/10/20– Artur Bolinha (PSL)

A entrevista é ancorada pela jornalista Waléria Assunção, da Rádio CBN e TV Paraíba, e conta com a participação do jornalista João Paulo Medeiros, da Rádio CBN e do Jornal da Paraíba. O conteúdo foi transmitido pela rádio e exibido em vídeo no Youtube, acessível por meio do Jornal da Paraíba. O áudio fica disponibilizado, ainda, no site da CBN Paraíba.

Os ouvintes podem participar mandando perguntas para a produção, através do WhatsApp (83) 98119-9700.

VÍDEOS: Funciona Assim - Eleições 2020

Fonte: G1/PB

Comunicar erro
Paraiba de Premios
Anuncie Aqui - Local 03