Anuncie Aqui - Local 01

Sandra Bel√™ lan√ßa 'Cantos de C√°', com m√ļsicas escritas por compositores da Para√≠ba

Por PCV Comunicação e Marketing Digital em 18/09/2020 às 14:40:36
Quinto √°lbum da cantora saiu nesta sexta-feira. A cantora paraibana Sandra Belê lan√ßou nesta sexta-feira (18) o √°lbum "Cantos de C√°", quinto √°lbum da artista natural de Zabelê, no Cariri do estado. O disco tem 13 faixas, todas escritas por compositores da Paraíba.

Veja a resenha de Mauro Ferreira, do G1, para o √°lbum "Cantos de C√°"

O √°lbum foi financiado por meio do edital do Fundo Municipal de Cultura (FMC) de Jo√£o Pessoa e contou com a dire√ß√£o artística, produ√ß√£o e arranjos da própria cantora, além de Suelen Garcez, Jader Finamore e Helinho Medeiros. A grava√ß√£o foi feita no estúdio Gota Sonora, em Jo√£o Pessoa.

Sandra Belê

Léo Accioly / Divulga√ß√£o

"Esse disco é o resultado de uma produ√ß√£o de quatro anos. Eu fui para S√£o Paulo passar uma temporada pouco tempo depois que saíram os recursos para produ√ß√£o do √°lbum. Quando voltei para a Paraíba, coloquei a m√£o na massa e come√ßamos a produ√ß√£o efetiva do √°lbum. De l√° pra c√° ele tomou uma nova forma, uma vez que ia ser um disco acústico e acabou ficando como um √°lbum com v√°rios músicos e v√°rios instrumentos", diz Sandra Belê.

Segundo a cantora, a ideia de gravar somente can√ß√Ķes paraibanas j√° existia desde a concep√ß√£o do projeto para o √°lbum. "Eu me sinto privilegiada por ser uma artista reconhecida no meu estado. Muita gente fala sobre n√£o ser reconhecida na sua cidade ou estado natal, mas eu n√£o sinto isso. Me considero muito querida por Zabelê, pela Paraíba, e por isso eu quis cantar meu estado. Quero mostrar como somos valiosos em termos artísticos e musicais, mostrar como temos brilhantes compositores que nunca param de fazer música", comenta.

Capa do √°lbum 'Cantos de c√°', de Sandra Belê

Tarsis Gomes/Divulgação

Das 13 faixas do disco, 11 s√£o inéditas, uma é uma regrava√ß√£o e outra aparece duas vezes, na abertura e no encerramento, em duas vers√Ķes diferentes. A regrava√ß√£o é de "On√ßa Caetana", de Glorinha e Afonso Gadelha, que j√° foi interpretada por Sivuca, Marinês e pela própria Glorinha. A vers√£o de Sandra Belê ganhou um videoclipe.

As outras faixas s√£o de Fl√°via Wenceslau, Regina Limeira, Chico Limeira, Escurinho, Chico César, Adeildo Vieira, Chico Lino Filho, Roberto Caj√°, Melchior Sezefredo, Tit√°, Seu Pereira, Pedro Medeiros, Zé Neto e Júnior Cordeiro.

"Dez destas 11 músicas s√£o can√ß√Ķes dos compositores que ainda n√£o haviam sido gravadas por ninguém. J√° a can√ß√£o "Mugido do Tempo", foi um presente de Júnior Cordeiro para este √°lbum. Ele escreveu uma letra que representa muito a minha história e foi composta especialmente para o "Cantos de C√°"", comenta Sandra Belê.

Fonte: G1/PB

Paraiba de Premios
Anuncie Aqui - Local 03