Contratos de locações de veículos na gestão de Denise Albuquerque estão na mira do MP

Contratos de locações de veículos na gestão de Denise Albuquerque estão na mira do MP

No ano de 2018 o Ministério Público da Paraíba (MPPB) abriu investigação de supostas irregularidades ocorridas na gestão da ex-prefeita de Cajazeiras, Denise Albuquerque. Por meio do Procedimento n° 038.2015.00451, o órgão ministerial apura possíveis irregularidades na contratação e locação de veículos para fins de prestação de serviços à Prefeitura do Município. Um dos pontos investigados diz respeito a a contratação de veículos para o transporte escolar de alunos da rede municipal. Só nesse caso, o valor da licitação foi de R$ 656,2 mil.

Em relatório do Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado do Ministério Público da Paraíba (Gaeco/MPPB), os promotores observaram "relevantes informações acerca de empresas supostamente envolvidas em fraude à licitação" promovida na administração da ex-prefeita.

Envolvendo vários ramos de administração municipal comandada por Denise Albuquerque, os processos investigados são: o Pregão Presencial da Prefeitura de Cajazeiras; 00004/2013, 00020/2013, 0003/2014, 0004/2014, 00016/2014, 00015/2015, 00025/2015. O Pregão Presencial de Assistência Social; 00005/2013, e o Pregão Presencial do Fundo Municipal de Saúde; 60028/2015.